SER OTIMISTA FAZ BEM PARA O CORAÇÃO

otimista

Estar de bem com a vida pode ajudar a quem quer ter um coração saudável? De acordo com a ciência, a resposta para essa pergunta é sim.

“Indivíduos com os maiores níveis de otimismo têm duas vezes mais chances de terem uma condição cardiovascular ideal do que aqueles que são mais pessimistas”, afirma Rosalba Hernandez, professora de serviço social da universidade de Illinois, nos Estados Unidos.

Ela é uma das autoras de um estudo sobre o tema divulgado na última edição da publicação científica Health Behavior and Policy Review. Participaram da pesquisa 5.100 pessoas com idades entre 52 e 84 anos.

Para o trabalho, sete aspectos relativos à saúde cardiovascular de todos os participantes foram analisados. Pressão arterial, índice de massa corporal e prática de atividade física são alguns deles.

NÃO TEM PLANO DE SAÚDE? FAÇA SEUS EXAMES DE SANGUE, URINA E FEZES COM ATÉ 50% DE DESCONTO. SAIBA MAIS AQUI

A cada um dos aspectos, os cientistas atribuíram notas de 0 a 2. Quanto maior a pontuação final, mais perto o paciente avaliado se encontrava da condição cardiovascular ideal.

Além disso, cada participante também preencheu um formulário relacionado à condição de sua saúde mental.

No fim, os cientistas constataram que os otimistas apresentam melhores indicadores que os pessimistas em relação aos níveis de açúcar e colesterol no sangue. Os otimistas também se exercitam mais e são menos propensos a fumar.

Fonte: exame.com.br

 

Anúncios