Dia do Homem: Veja qual a importância do exame de próstata e quais outros exames importantes para a saúde masculina

Pesquisa aponta que 51% dos homens nunca foram ao urologista

Falta de tempo e medo foram motivos apresentados por homens que não vão ao urologista em uma pesquisa apresentada pela Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) nesta terça-feira, 14. Segundo o levantamento, realizado em parceria com o laboratório Bayer, 51% dos 3 200 homens entrevistados nunca foram ao urologista. A pesquisa foi feita no dia 24 de junho em oito capitais: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Curitiba,Salvador e Recife – foram ouvidos 400 homens de cada cidade. Os dados foram apresentados como parte das ações da entidade para o Dia do Homem, que será comemorado na quarta-feira, 15. Um dado que surpreendeu foi o alto índice de automedicação em casos de disfunção erétil.A pesquisa mostrou que 62% dos homens usaram estimulantes sem indicação médica, dos quais 41% por recomendação de amigos e 47% com o objetivo de aumentar o apetite sexual. Embora tenham esse hábito, 71% dos homens – ou 2.272 entrevistados – não sabem quais são os sintomas da andropausa, denominação popular para o distúrbio androgênico do envelhecimento masculino, que é uma das causas da disfunção erétil. Entre os sintomas, estão a diminuição da libido, depressão, distúrbios do sono, redução da força e da massa muscular. Foram ouvidos homens com mais de 35 anos e cerca de 2.130 entrevistados estão com mais de 45 anos, idade que os pacientes começam a procurar especialistas em saúde masculina. CONVERSE COM SEU MÉDICO,REALIZE OS EXAMES DE ROTINA;

O aumento de tamanho da próstata é normal e tem tratamento

A Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) faz um alerta à população masculina brasileira sobre o aumento da próstata, que ocorre durante o envelhecimento do homem. O aumento da próstata (acontece) por causa de um tumor benigno. Não é câncer. A próstata é uma glândula acessória do aparelho reprodutor masculino, localizada abaixo da bexiga. A uretra atravessa essa glândula. Quando a próstata cresce, pode prejudicar o processo de esvaziamento da bexiga na hora de urinar. Entretanto, que isso não acontece com todos os homens. Tratamento O diretor da SBU informou que 60% dos homens não registram sintoma decorrente do aumento da próstata. Por isso, não precisam tomar remédio nem fazer cirurgia. No entanto é comum, às vezes, um paciente ir ao consultório de um urologista preocupado porque fez um ultrassom e o laudo indicou um aumento do tamanho da próstata. Se não há dificuldade para urinar e se o paciente urina bem, com jato grosso, a indicação do especialista é que, por enquanto, não é necessário fazer qualquer tipo de tratamento, apenas acompanhamento. O tratamento feito atualmente pelos urologistas é baseado em alguns parâmetros, como a intensidade dos sintomas; o tamanho da próstata; e o nível de PSA, uma enzima que detecta a existência de tumor. Além de ser um bom indicador da existência de câncer de próstata, o PSA pode também revelar se o paciente apresenta chance de ter complicações relativas ao aumento da próstata. Geralmente, o homem que tem o PSA acima de 1.5 e que não é portador de câncer de próstata tende a ter piora dos sintomas ao longo da vida. Às vezes, esse paciente tem que começar um tratamento precoce.

Anúncios