Agnaldo Rayol é o destaque da programação cultural na região

Passado o feriado, a rotina volta ao normal. Para os fãs da boa música, Agnaldo Rayol, eleito pelo povo como O Rei da Voz, sobe ao palco do Teatro Coliseu, sábado (2), às 21 horas, para apresentar clássicos como Ave Maria, A Praia, Mia Gioconda, Disparada e canções do DVD Agnaldo Rayol e Amigos, gravado a bordo do navio MSC Armonia. Ingressos à venda de R$ 70,00 a R$ 100,00. Rua Amador Bueno, 237.

SESC

Muitas são as atrações na unidade santista. Com início sábado e extensão durante abril em vários pontos da Cidade, acontece a 3ª Mostra Blues de Santos. Na abertura, no Sesc, às 21 horas, tem o gaitista Jefferson Gonçalves, que mostra faixas do seu último CD. Ingresso de R$ 5,00 a R$ 17,00.

Tem o espetáculo Cabaré do Povo Parrir, no qual palhaços urbanos vão se encontrar, pela primeira vez, com os Hotxuás (palhaços sagrados da aldeia indígena Krahô). Na união, serão apresentados números circenses e um grande ritual. Sábado (2), às 21 horas. Bilhete de R$ 5,00 a R$ 17,00.

O Trio Manouche, liderado pelo violonista Bina Coquet, aplica sua técnica e sensibilidade na justaposição do repertório de clássicos do jazz cigano, com releituras inusitadas dos grandes nomes da MPB. Na terça-feira (29), às 20 horas, com entrada gratuita.

Para quem gosta de dançar, quinta (31), às 21 horas, tem o Clube do Balanço, que celebra 15 anos de carreira com o CD Menina da Janela, No palco, soul, psicodelia, samba, samba jazz, samba rock e surf music. De R$ 5,00 a R$ 17,00,

Paulo Maymone, um fazedor de canções, não importa o estilo, lança, sexta (1), às 21 horas, seu segundo CD, Canções ao Mar. Participação de  Kika Willcox, Luiz Cláudio de Santos, Rosa Estevez, Kleber Serrad, João Maria, Theo Cancello, Alexandre Faccas,  Danilo Dog Ceschim e  André Willian. Paga-se R$ 10,00 ou R$ 20,00. Rua Conselheiro Ribas, 136.

Elis

As cantoras Nadja  Soares  e Rafaella Laranja, acompanhadas de quinteto (piano, violão, baixo, bateria e percussão), homenageiam Elis Regina com um retrospecto dos sucessos interpretados por ela. O roteiro foca momentos marcantes da trajetória da Pimentinha, como o que formou dupla com Jair Rodrigues no comando do programa O Fino da Bossa, na década de 1960; o encontro com Tom Jobim; a participação no Festival de Montreaux; a parceria com César Camargo Mariano, que deu nova roupagem às suas interpretações; e como lançadora de novos talentos. Sábado (21 horas) e domingo (20 horas), no Theatro Guarany. A R$ 20,00 e R$ 40,00. Praça dos Andradas, 100, Centro de Santos.

Concerto

O Teatro Coliseu, recebe, quinta (31), às 20h30, a primeira apresentação da temporada de 2016 da Orquestra Sinfônica Municipal de Santos. Conduzido pelo maestro Luís Gustavo Petri, o concerto terá a participação, como solista em uma obra, do violinista Daniel Guedes. O público poderá apreciar Abertura Trágica, Op. 1 e Sinfonia no 3 em Fá Maior, op. 90 (Brahms) e Concerto para Violino em Ré maior, Op. 35 (de Tchaikovsky). Gratuito. Rua Amador Bueno, 237, em Santos.

Anúncios