Tai chi defende o coração

Se nunca ouviu falar no tai chi chuan, talvez esteja na hora de conhecer essa antiga arte marcial chinesa. Combinando atividade física, meditação e respiração, a prática é associada ao bem estar físico e mental. E, agora, uma revisão científica reforça seus benefícios e de outros exercícios chineses. Um time de pesquisadores da Universidade do Esporte de Xangai, na China, analisou 35 estudos, incluindo 2 249 participantes de dez países. Os cientistas dividiram os grupos conforme as atividades físicas que realizavam.

Tai chi defende o coração

A pesquisa revelou, então, que os indivíduos que apostavam no tai chi e em outros métodos chineses, como Qigong e Baduanjin, experimentaram uma queda na pressão arterial e também nos níveis do colesterol ruim, o LDL.  Um dos motivos capazes de explicar o elo entre tai chi e pressão é que os movimentos são feitos em pé, em uma caminhada suave e constante. Isso estimula a circulação continuamente. Na investigação, as pessoas ainda relataram maior satisfação com a sua qualidade de vida.

Anúncios