Tome sol e aumente a sua expectativa de vida

proteção solar

Tomar sol frequentemente aumenta a expectativa de vida ao reduzir o risco de morte por doenças cardiovasculares e outras condições não cancerosas. É o que indica um estudo publicado recentemente no periódico científico Journal of Internal Medicine.

O trabalho, conduzido por pesquisadores do Hospital Universitário Karolinska e da Universidade de Lund, ambos na Suécia, acompanhou 29.518 mulheres durante 20 anos. Os resultados mostraram que aquelas que evitam o sol vivem de 0,6 a 2,1 anos menos do que as mulheres que tomam banho de sol com frequência.

De acordo com os autores, a exposição ao sol reduz o risco de doença cardíaca e outras condições não cancerosas. Os resultados sugeriram, inclusive, que a falta de sol pode ter o mesmo impacto do tabagismo sobre a expectativa de vida. Descobrimos que não fumantes que se não se expunham ao sol corriam um risco de morte semelhante ao de fumantes com alto índice de exposição solar. Isso indica que evitar a exposição ao sol pode ser um fator de risco da mesma magnitude do tabagismo.

 

Ainda são necessários outros estudos para saber os motivos. Uma das possibilidades a ser avaliadas é o efeito da vitamina D, composto produzido pelo organismo na exposição solar.

Apesar dos resultados, os autores ressaltam que a exposição aos raios UV está diretamente relacionada ao aumento do risco de câncer de pele. Por isso, especialistas recomendam o uso diário de protetor solar 30 minutos antes da exposição ao sol.