Ginástica na gravidez traz benefícios à gestante e ao bebê

Manter o corpo saudável e em movimento durante a gestação garante não só benefícios para a saúde da mãe, mas também proporciona um desenvolvimento mais e tranquilo para o bebê. Ou seja, vale a pena praticar ginástica na gravidez, sempre adaptando os tipos de exercícios e a intensidade.

Além de ajudar no funcionamento do organismo e trazer bem-estar para a futura mamãe, a prática de atividades também prepara o corpo para o parto, controla o ganho de peso durante a gestaçãoe torna muito mais fácil a volta ao normal após o nascimento da criança.

ginástica na gravidez

Benefícios e cuidados da ginástica na gravidez

A ginástica na gravidez pode ser feita de diversas formas, incluindo uma grande variedade de atividades. Isso porque, com a prática de exercícios aeróbicos regulares, o tamanho da placenta aumenta, facilitando o desenvolvimento do bebê, além de melhorar a capacidade de troca de oxigênio e CO2.

Os bebês nascidos de mães que praticaram ginástica na gravidez também conquistam benefícios, nascendo mais magros e com menos chances de desenvolverem obesidade e diabetes quando adultos.

Os exercícios também ajudam a evitar o ganho de peso excessivo durante a gestação, o que reduz orisco de diabetes gestacional e de que o bebê desenvolva a doença quando adulto. Além disso, facilita a volta à boa forma após o parto.

Para garantir esses benefícios, além de escolher os exercícios certos, é fundamental também ter alguns cuidados, como evitar sobrecarregar o corpo e reduzir gradualmente a intensidade dos exercícios conforme o parto se aproxima.

O aumento no peso do bebê e o alongamento dos ligamentos que conectam o útero podem gerar um desconforto no último trimestre, sendo indicado optar apenas pelos exercícios de menor impacto.

Todos esses cuidados e até mesmo restrições devem ser indicados pelo médico, pois cada gestante responde de uma maneira à ginástica na gravidez. É importante também sempre praticar as atividades com orientação e acompanhamento profissional, para que as aulas sejam adaptadas de acordo com as necessidades e limitações de cada caso.

Exercícios de ginástica aeróbica na gravidez

Para uma gravidez saudável, o Colégio Americano de Obstetras e Ginecologistas (ACOG) recomenda pelo menos 30 minutos de caminhada leve na maioria dos dias da semana. Antes de começar qualquer outro tipo de atividade, principalmente no caso daquelas mães que não praticavam exercícios antes, é preciso consultar o médico.

Algumas dicas de exercícios com pouco impacto para a ginástica na gravidez, além dascaminhadas, são aulas aeróbicas, esteira, elíptico, bicicleta, natação, hidroginástica, dança e yoga. Além disso, o alongamento antes dos exercícios e o relaxamento após são ainda mais importantes durante a gestação.