Exame de escarro detecta bactérias ou fungos que podem causar infecção nos pulmões

O exame de escarro detecta bactérias ou fungos que podem causar infecções nos pulmões ou vias respiratórias. A expectoração é um líquido espesso produzido nos pulmões e vias respiratórias que é eliminada com a tosse. Para fazer o exame de escarro, uma amostra de expectoração é colocada num recipiente com substâncias que promovem o crescimento de bactérias ou fungos. Se os organismos que podem causar infecção se multiplicarem, a cultura é positiva. O tipo de bactéria ou fungo será identificado com um microscópio ou por análises químicas.

 A análise de escarro também pode ser feita para identificar se as bactérias ou fungos que estão no seu organismo têm maior sensibilidade a um determinado medicamento, ajudando na escolha do tratamento mais adequado.
 onde fazer exames-laboratoriais-de escarro em santos

Indicações

O exame de escarro é feito para:

  • Localizar e identificar as bactérias ou os fungos que causam uma infecção dos pulmões ou vias respiratórias (tais como pneumonia ou tuberculose). Os sintomas de infecção pulmonar podem incluir dificuldade em respirar, dor ao respirar ou uma tosse que produz expectoração sanguinolenta ou marrom esverdeada
  • Identificar o melhor antibiótico para tratar uma infecção
  • Monitorar o tratamento de uma infecção.

Como se preparar

Se uma broncoscopia for utilizada para recolher sua amostra de escarro, o médico dará as instruções necessárias, que deverão ser seguidas à risca. Caso a amostra seja coletada por meio da tosse, a recomendação é não utilizar antisséptico bucal antes de coletar uma amostra de escarro, pois pode conter substâncias antibacterianas que podem afetar seus resultados. Além disso, informe ao médico se você tomou ou está tomando antibióticos.

exame-de-pneumonia-620x413

Como é feito

A amostra será coletada em casa e guardada em um recipiente estéril oferecido pelo hospital ou laboratório de análises clínicas, devendo ser encaminhada para lá após a coleta. Normalmente, a amostra de escarro é feita pela manhã, antes da pessoa comer ou beber qualquer coisa. Em alguns casos (especialmente se você está com suspeita de tuberculose), podem ser necessárias três ou mais amostras da manhã. Se você usar próteses dentárias, precisará removê-las antes de coletar uma amostra de escarro.

Você será orientado a lavar a boca com água, respirar fundo e depois tossir profundamente para produzir uma amostra de escarro. Caso você esteja fazendo a coleta com um profissional, ele pode tocar em seu peito para ajudar a soltar o catarro dos pulmões antes de tossir. Se ainda sim você estiver com problemas para coletar uma amostra, poderá ser convidado a inalar uma névoa de aerossol para ajudá-lo tossir.

Algumas pessoas podem precisar fazer uma broncoscopia para coletar a amostra de escarro. Durante a broncoscopia, um tubo fino e iluminado (broncoscópio), com uma câmera da ponta, é inserido através da boca ou do nariz para as vias aéreas até seus pulmões. Você receberá um medicamento que entorpece a garganta e nariz (xilocaína) e sedação na veia, de forma a não sentir desconfortos.

CONFIRA AQUI  COMO SE PREPARAR PARA REALIZAR EXAMES LABORATORIAIS

EQUIPAMENTO

A amostra de escarro também pode ser coletada por meio de sucção. Durante esse procedimento, um tubo mole e flexível chamado cateter naso-traqueal é inserido através do nariz e na garganta. Então, é feita uma sucção por até 15 segundos para obter a amostra de escarro. Este método de coleta é frequentemente usado para pessoas que estão muito doentes ou inconscientes.

O escarro induzido por inalação de uma substância salgada que estimula a tosse também pode ser indicado nos casos em que a pessoa tem dificuldade para expectorar espontaneamente.

Uma vez que a amostra de expectoração é recolhida, será colocada em um recipiente com substâncias que promovem o crescimento dos organismos infecciosos, como bactérias ou fungos. As bactérias geralmente necessitam de dois a três dias para crescer, já um fungo frequentemente leva uma semana ou mais para crescer. O organismo que causa a tuberculose pode demorar até seis semanas para crescer.

Todas as bactérias ou fungos que crescerem serão identificados sob um microscópio ou por análises químicas. Os testes de sensibilidade, feitos para determinar o melhor antibiótico para usar contra o organismo que cresce, muitas vezes levam mais de 12 dias para ficarem completos.

Anúncios